ERA UMA VEZ UM BATIZADO! MARIA CAROLINA

 

Já faz algum (muito) tempo desde que contámos esta história, mas quanto mais o tempo passa mais sentido nos fazem estas memórias.
É impossível esquecer o dia em que esta família nos abriu as portas da sua casa e as páginas da sua história para que nelas pudéssemos escrever, em amor e imagens, mais um capítulo.

O mano Francisco, no seu papel de irmão mais velho, guiou-nos ao encontro da Maria Carolina, dando o seu cunho travesso e divertido à nossa reportagem.
O dia não teve remédio senão apresentar-se risonho perante tamanha simpatia de familiares e amigos que se reuniram para celebrar o batismo e a vida da pequena Carolina.

Já passaram dias, meses... mas ainda nos rasgam sorrisos as memórias felizes de dias assim.
E assim se apaziguam saudades:

31 de Maio de 2015

Comment